Conheça a Informant          RSS
15
May 14

Qual a função de um gerente de produto?

Depositphotos_7263989_s

O sucesso da criação de um novo software é alcançado através da soma de diversos fatores: organização, planejamento, visão, comunicação, qualidade do time de execução e clareza do que, realmente, o cliente está buscando. Ainda assim, mesmo com todas as informações, nada garante que a ferramenta será bem aproveitada.

No meio de tudo surge uma figura muito importante para o bom andamento do projeto: o gerente de produto. Nos últimos anos as fábricas de software perceberam que possuir alguém que consiga centralizar as decisões, administrar o time e ainda entender a necessidade do cliente é valioso para os negócios, fazendo do gerente de produto o principal aliado da empresa. Nos próximos parágrafos iremos nos aprofundar sobre o papel desse profissional. Confira:

O papel do gerente de produto

É comum que as empresas acreditem que o principal papel do gerente de produto é estar focado no desenvolvimento do produto que alavanca o negócio. Mas, atualmente, sua função é muito mais ampla: ele cuida do desenvolvimento, mas também da implementação, atendimento, marketing e vendas. Apesar de não ser responsável por todas essas áreas, é função dele perceber quando problemas possam influenciar o desempenho do produto.

Basicamente, o gerente de produto presta suporte a todas essas áreas, focando na qualidade da entrega final e impedindo que outros fatores, como falta de recursos, atrapalhe a experiência do cliente. O gerente de produto costuma atuar mais no marketing e vendas, por conhecer cada vantagem do produto e saber como estas devem ser exaltadas para melhorar as vendas.

Motivos para contar com um gerente de produto

A busca por criar ferramentas cada vez melhores faz do gerente de produto uma peça fundamental em toda empresa de software. Isso significa que um bom gerente é capaz de melhorar a qualidade das suas entregas e ainda assim garantir o uso inteligente e eficaz de seus recursos.

Para se alcançar esse resultado é fundamental que você saiba o que buscar ao contratar este profissional. Lembre-se que ele terá que controlar o desenvolvimento da ferramenta, mas também estará em contato com clientes e colaboradores. Assim, é possível listar algumas competências que todo gerente de produto deve ter, além da paixão por criar bons produtos: empatia com clientes, inteligência, ética, integridade, confiança, foco, conhecimento em tecnologia, negócios, processos e uma atitude vencedora.

Apesar de parecer que essas habilidades sejam impossíveis de serem reunidas em apenas um profissional, precisamos notar que a maioria delas são obrigatórias quando estamos falando de desenvovimento de software. Um gerente de produto que não conheça tecnologia ou que não esteja por dentro dos processos e negócios da empresa não será capaz de gerenciar um time de desenvolvedores.

Já um profissional sem ética ou integridade, apaixonado pelo que faz e focado em buscar metas e objetivos não irá durar em emprego algum. Por todos esses motivos a função de um gerente de produto será, sim, de coordenar a construção das suas ferramentas, mas também será um grande ativo para sua empresa ao gerenciar clientes, recursos e resultados.

Você já trabalha com um gerente de produto? Qual sua experiência? Deixe seu depoimento nos comentários abaixo.


Tags: , ,

Faça um social!

Leave a comment